Prospetores internacionais visitam empresas da região da Guarda

Dezasseis prospetores internacionais vão visitar empresas da região da Guarda entre quarta-feira e sexta-feira, no âmbito de um projeto que visa incentivar as exportações, anunciou hoje o NERGA - Associação Empresarial da Região da Guarda.

A visita dos prospetores internacionais à Guarda enquadra-se no projeto Exportar+, uma iniciativa que visa fomentar as exportações das empresas da região.

O NERGA vai receber prospetores oriundos da Alemanha, da Polónia, de Marrocos e dos Emirados Árabes Unidos, com a finalidade de "potenciar contactos diretos com empresários da região e fomentar as exportações para estes países".

Durante a presença na Guarda, os visitantes internacionais, pertencentes aos setores agroalimentar, mobiliário e madeira, metalurgia e metalomecânica e rochas ornamentais, irão visitar algumas empresas da região que estão ligadas a estas áreas, indica o NERGA em nota hoje enviada à agência Lusa.

A fonte refere ainda que os prospetores vão também reunir com empresários locais, na sexta-feira, quando terão lugar reuniões individuais numa unidade hoteleira da cidade.

O programa contempla ainda, na sexta-feira, a realização de um fórum dedicado à internacionalização e um jantar-conferência, agendado para as 19:30, para as instalações do NERGA, no parque industrial da Guarda, subordinado ao tema "Oportunidades e Desafios à Internacionalização para as Empresas do Interior", cujo orador convidado é Jorge Seguro Sanches, secretário de Estado da Energia.

O projeto Exportar+ é promovido pelo NERGA e pela AIRV - Associação Empresarial da Região de Viseu, em resultado de uma candidatura apresentada ao Sistema de Apoio a Ações Coletivas/SIAC do CENTRO 2020.

Segundo os promotores, a iniciativa "procura potenciar o sucesso da internacionalização das pequenas e médias empresas localizadas nos territórios de Viseu Dão Lafões, Beiras e Serra da Estrela, através de um melhor conhecimento sobre os mercados e do estímulo a iniciativas coletivas de cooperação interempresarial para a internacionalização".

DN 17 de Abril de 2018